quinta-feira, 23 de abril de 2009

Até breve minha linda....


Foram dias inesquecíveis ao teu lado nega, uma das melhores sensações que poderia sentir, depois de tanto tempo, nos reencontrar dessa forma tão linda. Aproveitamos, curtimos, viajamos, nos amamos loucamente....Agora a saudade bateu, naquela despedida, na visão do avião decolando...chorei, e chorei muito, descontroladamente, com todo meu coração, saiba que era de felicidade, por tudo que passamos, por tudo que conhecemos e vivenciamos juntos, pelo novo compromisso que fortalecemos, mas também tinha uma pontinha de tristeza, saudade. Coração apertado, querendo que o tempo regresse, mas tem que ser assim. Me sinto como meu primeiro dia por estas bandas, angústia no peito, pensamento em ti, tudo soa tão estranho, diferente...tudo lembra voçê minha nega. Seguimos adiante, buscando nosso futuro, nossas conquistas. Tenho certeza que logo estaremos juntos novamente, pra sempre. Até breve minha linda...Saudades, muitas saudades..

quarta-feira, 15 de abril de 2009

London

Londres foi muito fera, uma cidade fantástica, apesar de termos pego apenas dias feios, frio e chuva sempre. Nossos hostel serem longe. Os transportes serem caros (na verdade, tudo é caro) e difíceis de entender. Mas foi uma jornada grande pra entrar e pra sair de Londres. Começando pela nossa entrada. Saímos de Paris, de busão, com documentos tudo em mãos para a fiscalização. Era quase 02hs da manhã quando o busão chegou em Calais (cidade francesa que abarca a ligação com a Inglaterra pelo Canal da Mancha), pois bem, ali, todo mundo desce com malas para fiscalização, eu já estava meio apreensivo, já havia comentado com a Rafa que estava com um pressentimento ruim sobre aquilo tudo. Chegou nossa vez, com um inglês básico fui tentando explicar o que faríamos em Londres, me confundi algumas vezes em relação a valores que estavamos levando e sobre nosso tempo de namoro. É, ficamos na alfandêga, ela mandou nosso bus partir e nos deixou em uma sala para nos interrogar e fiscalizar as malas, ou seja, nada de visto, de Londres até aquele momento. Ai começou perguntas, fiscalização, sobre tudo que vçs possam imaginar (família, trabalho, estudos, dinheiro) e eu arranhando meu inglês, só que nesse momento, eu já estava muito tranquilo e calmo, sabia que não tinha nada de errado, tinhamos reservas em hostel para os 4 dias, nossas passagens de volta pro Porto, a passagem da Rafa de volta pro Brasil, meu cartão de residente de Portugal, não tinha absolutamente nada que nos impedia de entrar como turistas. Mas isso já era 04hs né, e nós ali, naquela situação que só quem já passou sabe como é, como te tratam, mas tudo bem.
Foi então que ela me chamou pra uma salinha pra eu mostrar tudo que tinha na minha mala, e ali eu arranhando meu inglês, misturando com italiano, espanhol e português. Nessa hora eu disse algo como : BENEUS....Ela me olhou nos olhos, estava pálida, eu fiquei assustado, então ela disse: WHAT YOU SAY???? YOU SAY BENES??? WHAT A FUCK MAN, I LOVE BENES, BENES IS MY HERO.....OH, NO. I DON´T BELIEVE, YOU NOW BENES??? FUCK MAN... YOU CAN GO FOR LONDRES..NOW, NO PROBLEMS. AND SEND UM KISS FOR BENES..

Traduzindo ( O QUE VOÇE DISSE??? VOÇE DISSE BENES, MAS QUE F*** , EU AMO BENES, BENES É MEU HERÓI.... AH NÃO, EU NÃO ACREDITO, VOÇE COMHECE O BENES??? F***, VOÇE PODE IR PRA LONDRES...AGORA, SEM PROBLEMAS, E MANDE UM BEIJO PRO BENES..

ela estava admirada, os olhos brilhavam, notei que ela estava nas nuvens. E depois de mais uma espera, nosso outro busão chegou e nós se bandiamos pra Londres. Por isso que é bom ter amigos famosos, isso ajuda em qualquer lugar do mundo..Grande Bené, nos salvando até longe de casa.
Pois se bandiamos para Londres, de manha cedito, em um bus cheio de tchecos, não se entendia nada, mas o massa do bus foi a trafessia pelo canal da mancha, muito fera..
Chegamos em Londres e se bandiamos pro hostel, descansar depois da longa noite que tivemos, a chuva caindo, tempo ruim, dormimos bastante.
Próximo dia se bandiamo pro centrão, London Eye, Big Ben, Buckihgam Palace....Por lá encontramos o Fernando, santiaguense amigo da Rafa das antigas, tempo da Riachuelo. Aproveitamos para conhecer a Camdem Town, um bairro muito loco por lá, muito loco mesmo, cada figura por lá.
Nos outros dias, inventamos de conhecer a tal de Littlewhites, pra que!!!!Rafaele se perdeu naquelas liquidação, acabou Londres por ali.heheheh
Importante é que estava muito bom, aproveitamos cada momento por lá, as experiências que tivemos nesta trip européia.Muito fixe!!!Aproveitem o vídeo.abração



segunda-feira, 13 de abril de 2009

O noivado!!!

Pois é, depois de 10 anos de namoro, acreditamos ser o momento certo para isso. Muitos já pensavam que não iriamos nos decidir, mas chegou a hora e direto de Paris, com a Torre Eiffel de testemunha, o nosso noivado. Coisa simples, mas de coração aberto. Posso dizer que estamos extremamente felizes, gostaríamos de ter convidado todos os amigos, família para a cerimônia, mas foi uma situação inusitada e única em nossas vidas. Aproveitem o vídeo.




sábado, 11 de abril de 2009

Paris, 07,08 e 09 de abril.2009



Linda Paris, uma cidade fantástica...chegamos já era meio tarde, Charles de Gaulle imenso, quase nos perdemos por lá, correria pra pegar o último RER(trem), que foi no escuro, e o inglês arranhando pra pedir informações, tinhamos nosso couching na primeira noite com os amigos, Flora e Lucas de SP e MG, que moram por lá.Perfeito, nos receberam extremamente bem, mas cansados, desmaiamos de sono.
Começamos Paris, com tempo ruim, chuva, céu nublado, guarda-chuva detonado e Sacre Cour, muito linda, uma pena que não fomos a noite. Chegamos ao Hostel e já largamos pro Museu do Louvre(FANTÁSTICO), lugar muito fera, muita gente, muitas fotos, Rafitcha e eu muito felizes.
O frio pegando, se bandiamo pela Champs Elysees(uma pausa para um crepe francês) até o Arco do Triunfo, pra mim, o mais bonito de Paris. Começando a escurecer fomos em direção ao lugar que mais esperavámos (por muitos motivos), a Torre Eiffel..., no caminho passamos por um grande protesto pelo Sri Lanka. Enfim, chegamos a torre, algumas fotos de longe, e partimos a ela, com a idéia de fazer um video lá de cima. DECEPÇÃO, justamente neste dia, os funcionários estavam em greve (logo dessa vez que iriamos abrir a mão €€€€€, pra conhecer), os comentários eram que nem as luzes ligariam naquele dia, por fim, acabaram ligarando as luzes. LINDA.
Segundo dia, começamos com as origens, Bastilha. Praça da Bastilha, muito linda, A Praça da Bastilha está localizada no mesmo local onde se encontrava a prisão da Bastilha até o momento de sua destruição, durante a Revolução Francesa de 1789. A prisão da Bastilha tinha sido construída entre 1370 e 1383 e era ali que eram encarcerados os prisioneiros políticos e religiosos. Essa prisão se transformou no símbolo da opressão, sendo destruída pelos insurgentes durante a Revolução Francesa. Depois se largamos pelo rio Sena para a Catedral de Notre Dame, multidão de gente, muito linda, conseguimos entrar e apreciar a beleza da catedral. Pela tarde, aproveitamos o sol e as tulipas do Jardim de Luxemburgo.Rumo a Londres..Mais novidades (muito boas) de Paris, no próximo post.
abraço a todos